Qual o melhor mês para casar?

Organizar o seu grande dia é uma missão e tanto! Mas, com a ajuda da equipe do Quero de Casamento, até o mês ideal você escolhe. Preparamos algumas dicas para ajudar você a marcar a data na época do ano que mais combina com seu estilo de cerimônia. Confira!

Cuidados iniciais: de datas comemorativas à agenda da igreja
Antes de pensar nas vantagens deste ou daquele mês, vale lembrar que a escolha pode ser influenciada por alguns detalhes que vão além da vontade dos pombinhos.

A primeira coisa a se fazer é abrir o calendário do ano e eliminar os feriados e datas “enforcadas”, ou seja, aqueles dias em que o pessoal “emenda”. Afinal, você nunca sabe quando aquele parente ou amigo tão especial vai viajar.

Cuidado também com Carnaval, finais de campeonato de futebol, aniversário da cidade, etc. Esses eventos não só dão um nó no trânsito (e isso pode significar atraso!), como deixam os serviços mais caros.

Outra boa dica é sincronizar o dia com a melhor época para sua lua de mel. Se quiser economizar, como falamos neste post aqui, sua data pode ser fora da temporada e aí, a cerimônia tem que coincidir.

Por fim se você for casar em uma igreja Católica, saiba que algumas têm filas de espera muito grandes. Consulte o agendamento da igreja escolhida para saber com antecedência as datas à disposição.

Em que mês eu vou?
Detalhes observados, é hora de avaliar os pontos positivos e negativos de cada mês.


Janeiro
 é uma dos meses menos procurados. E isso ajuda você a negociar melhor com os fornecedores de serviços e com o aluguel do salão. A luz do sol nessa época do ano está linda para fotos, o que vai deixar seu álbum e filmagem ainda mais bonitos!

Mas fique de olho porque também é um mês em que muita gente viaja e alguns prestadores de serviço tiram férias. Então, antecipe-se nos convites e contratos! E lembre-se: chove bastante e o calor pode ser um incômodo. Essas duas características fazem de um ambiente climatizado a melhor opção.


Que tal fevereiro?
 As flores tropicais estão em alta e você pode dar um show de decoração na igreja, salão e no buquê. O clima é bem parecido com o de janeiro e, por isso, valem as mesmas precauções.

Ainda tem chance de muita gente planejar viagem para essa época, então corra com os convites. E, claro, evite marcar uma data próxima ao Carnaval. As cidades ficam com o trânsito complicado na semana anterior e posterior à folia!


Quem optar por março
 pode tirar vantagem da baixa temporada (que vai de março a junho) para alguns destinos e negociar uma lua de mel mais em conta. A cerimônia vai ficar linda com as Orquídeas, flores da estação que estão belíssimas nessa época.

Bom, lembra daquela famosa música que fala sobre “as águas de março fechando o verão”? Pois é, as pancadas de chuva repentinas podem ser uma surpresa desagradável. Tenha um “Plano B” se estiver pensando em casamento ao ar livre!


Quer escolher abril?
 Muitos cerimonialistas consideram este o mês ideal para casamentos, por conta do clima nem quente, nem frio e com poucas chuvas. É a melhor data para um casamento ao ar livre!

Mas contrate tudo com antecedência, porque em função da preferência das noivas pela data os preços começam a subir rápido!


Em maio,
 temos o tradicional “mês das noivas”. Por isso, tudo inflaciona. Se pretende casar nesse mês, planejamento é fundamental. O clima ainda é bem semelhante ao de abril. O outono tem uma luz natural mais suave e ótima para fotos também, inclusive para casamentos na praia.


Já em junho
 as datas são pouco concorridas, o que facilita sua negociação com fornecedores e prestadores de serviços. Uma característica da época é que, com o clima mais ameno, as roupas de gala ficam mais confortáveis, principalmente para os homens e seus ternos. As tulipas estão em alta, sendo uma alternativa para a decoração.


Com a chegada de julho
 - e do frio mais intenso -, tudo fica ainda mais glamouroso. As roupas da estação são mais glamourosas e até o buffet muda o cardápio, com vinhos e comidas mais pesadas.

Vale lembrar que é a época de descartar o casamento ao ar livre e de convidar com antecedência porque, com as férias escolares, muitas famílias viajam!


Agosto
 é tradicionalmente um mês evitado pelas noivas (lembra aquele ditado: agosto, mês do desgosto?). Pura superstição, claro! Para quem quer uma cerimônia é hora de negociar ao máximo com os fornecedores de serviços! Até mesmo nos copos de leite, flores em alta nessa época.


Com a volta da primavera em setembro,
 claro, as flores estão belíssimas! A temperatura também já subiu, o que faz do casamento ao ar livre uma opção interessante. Esta é uma época muito procurada, o que faz os preços subirem e as datas ficarem mais difíceis. Então, planejamento é fundamental!


O quadro se repete em outubro,
 com o auge da estação. É a época dos lírios, ótima opção para decoração. A data combina com casamentos ao ar livre, com temperaturas mais altas batendo na porta.


Quando chega novembro
 é hora de acelerar! É o último mês antes da correria das festas de final de ano. Alguns pombinhos já receberam a primeira parcela do 13º, o que ajuda na hora de encomendar as flores da estação: lavandas e lua de mel que, nesta época, dão uma encarecida.

Fique atento aos feriados nacionais (nos dias 02 e 15) que podem atrapalhar sua organização em função das viagens dos convidados.


Em dezembro,
 embora tudo fique mais corrido, temos aquela animação de final de ano! Com o 13º na conta, o casal tem um reforço para as despesas de última hora. É um mês super concorrido para casamentos, principalmente em função dos salões, que já estão quase todos alugados.Dado o calor, o ambiente precisa ser climatizado.


Pronta para escolher a data do seu grande dia? Então, aproveite estas dicas e faça o casamento dos seus sonhos!


Fonte: Quero de Casamento

Acompanhe-nos

Fique antenado em shows, eventos realizados com o Cantor Bob Rum e acompanhe-nos nas redes sociais